Melhores 4 Modelos: Ar Condicionados de Janela em 2024

Redação Refrigere Brasil

Escolher o melhor ar-condicionado de janela pode ser uma tarefa desafiadora, principalmentecom tantos modelos disponíveis no mercado e sem entender nada da parte técnica do produto.

Por isso, decidimos produzir este conteúdo para te ajudar nessa jornada. Para isso, separamos algumas sugestões de ótimos modelos, com as suas respectivas características e prós e contras.

Além disso, separamos uma série de dicas para te ajudar a entender melhor o universo dos ar-condicionado de janela e o que você precisa avaliar na hora de comprar um modelo.

Confira todos os detalhes, a seguir!

Melhor Ar Condicionado de Janela em 2024
Ar Condicionado Janela Springer Midea 10000 BTU/h Frio 127 Volts
  • Modelo econômico;
  • Ecologicamente responsável;
  • Sistema de renovação de ar;
  • 4 opções de direcionamento de vento;
  • Modelo com boa durabilidade.
  • Não tem controle remoto;
  • Controle de temperatura pouco intuitivo.

Para quem busca por um modelo econômico e que seja ecologicamente responsável, este pode ser o melhor ar-condicionado de janela. O modelo utiliza o fluido R410A, que é atóxico, não é inflamável e não agride a camada de Ozônio.

O aparelho tem um sistema de renovação de ar, ou seja, permite a troca do ar do ambiente, evitando acúmulo de odores ou fumaça no ambiente, por exemplo. Ele também é equipado com serpentina de cobre, o que torna o modelo bastante durável.

O modelo tem uma potência de 10.000 BTUs baseada nos testes obrigatórios da norma ISO 16358-1, ideal para ambientes pequenos. Ele não é tão compacto, mas ainda ocupa pouco espaço, com dimensões de 56 x 56 x 42 cm e peso de 25 quilogramas

É possível direcionar o ar para 4 direções diferentes e controlar a velocidade de saída do ar entre alta e baixa e a função ventilação.

Conforme a avaliação de diversos usuários, a regulagem da temperatura no aparelho não é muito intuitiva e o fato dele não ter controle remoto, não o torna muito prático no dia-a-dia.

  • Modelo econômico;
  • Fluido ecológico;
  • Sistema de renovação de ar;
  • Boa durabilidade;
  • 4 direções de ventilação.
  • Modelo um pouco mais caro;
  • Não tem controle remoto.

Para quem busca por um modelo econômico, com ótima potência e pode investir um pouco mais, este pode ser o melhor ar-condicionado de janela. Afinal o modelo oferece uma potência de 20.000 BTUs e tem selo A em eficiência energética.

Além disso, ele é equipado com fluido refrigerante R-410A, que é ecológico, atóxico, não inflamável e não agride a camada de Ozônio. Ele também conta com um sistema de renovação de ar, que permite a troca de ar do ambiente, evitando odores, por exemplo.

Quanto às dimensões deste aparelho, ele tem medidas de 84 x 74 x 50 cm e pesa 62 quilogramas.

A serpentina de cobre garante uma maior durabilidade do aparelho e você pode aproveitar a ventilação em até 4 direções diferentes.

A maioria dos usuários argumenta que se trata de um modelo mais caro, mas que compensa na economia de energia e que se tivesse controle remoto, seria um aparelho mais prático.

  • Modelo econômico;
  • Fácil de limpar;
  • Design moderno;
  • Controle remoto;
  • Visor de Led que indica a temperatura.
  • Aparelho um pouco barulhento;
  • O controle vai sem pilhas.

Se você busca por um modelo com design moderno, que seja fácil de limpar e economize muita energia, este pode ser o melhor ar-condicionado de janela, para você.

Afinal, o modelo conta com tecnologia inverter e economiza até 35% de energia, comparado a outros modelos. Além disso, ele tem um design super moderno, com visor de led que indica a temperatura e o painel frontal é removível, o que facilita muito sua limpeza.

O modelo é bastante compacto, com dimensões de ‎48 x 48 x 33 cm e peso de 22 quilogramas.

Ele também conta com controle remoto com diversas funções, que facilita muito o uso. Um detalhe alertado por diversos usuários, é que o controle vai sem pilhas e ele é um pouco barulhento até resfriar o ambiente, depois, o barulho diminui um pouco durante o uso.

  • Modelo econômico;
  • Bom custo-benefício;
  • Selo A em eficiência energética;
  • Design moderno e minimalista;
  • Fácil de limpar.
  • Não tem controle remoto;
  • Não recomendado para ambientes médios e grandes.

Para quem precisa refrigerar ambientes pequenos e quer um modelo econômico e com bom custo-benefício, este pode ser o melhor ar-condicionado de janela.

Ele é equipado com 7.500 BTUs de potência, ideal para ambientes pequenos de até 15m² e tem selo A em eficiência energética, ou seja, é um modelo bastante econômico. Ele também tem um design moderno e minimalista que combina com qualquer ambiente.

Seu painel frontal é removível, o que facilita muito a limpeza. É um modelo relativamente silencioso com nível de ruído de 56 dB e compacto, com tamanho de ‎48 x 48 x 33 cm e 23kg.

Muitos usuários pontuam a falta de um controle remoto, mas alegam que os botões de controle no aparelho, são bastante intuitivos.

Quando o Ar-Condicionado de Janela é Recomendado?

O ar-condicionado de janela é recomendado para ambientes pequenos e médios, devido à sua potência mais baixa do que os modelos tradicionais.

Também é indicado para locais em que não há a possibilidade de instalação dos modelos tradicionais, nos quais o compressor fica para o lado de fora.

Os Diferentes Tipos de Ar-Condicionado

Há diferentes tipos de ar-condicionado e cada um deles é mais indicado para um determinado tipo de ambiente e contexto. Para te ajudar a entender melhor tudo isso, vamos apresentar alguns dos principais tipos de ar-condicionado. Confira a seguir.

Ar-Condicionado Split

Este é um dos tipos mais comuns de ar-condicionado. Ele contém 2 módulos separados: uma unidade interna, que é montada na parede ou no teto dentro do ambiente que você deseja climatizar, e uma unidade externa, que é instalada na parede de fora do ambiente.

O ar é resfriado pelo compressor, que fica na unidade externa e depois distribuído para o ambiente interno através de tubos ou dutos.

Ar-Condicionado Piso-teto

É um modelo com altas potências que podem chegar a até 80.000 BTUs. Por isso, são mais indicados para ambientes médios e grandes e com pé-direito alto.

Seu nome se dá por conta de sua configuração, que permite a instalação tanto no piso, quanto no teto.

Ar-Condicionado Portátil

Como o nome sugere, este tipo de ar-condicionado é portátil e pode ser movido de um ambiente para outro com facilidade.

Geralmente, ele consiste em uma única unidade que é conectada a uma janela ou a uma abertura na parede para a exaustão do ar quente.

Essa é uma opção conveniente para locais onde a instalação de um ar-condicionado fixo não é possível ou desejada e para pessoas que querem ter a facilidade de utilizar o mesmo aparelho para resfriar ambientes diferentes em momentos diferentes.

Ar-Condicionado Cassete

Esse tipo de ar-condicionado é instalado no teto e tem saída de ar para diversas direções e potências maiores. Por isso, é bastante eficiente em locais com alto fluxo de pessoas, como ambientes comerciais, por exemplo.

São modelos bastante silenciosos também, pois seu condensador também é instalado na parte externa, semelhante aos modelos Split.

Ar-Condicionado de Janela

Esse tipo de ar-condicionado é composto por uma única unidade que comporta o condensador e o evaporador. Por isso, são modelos que produzem um pouco mais de ruído no ambiente.

São modelos compactos e mais fáceis de instalar. São bastante utilizados em ambientes pequenos e médios e em locais onde não é possível instalar os modelos nos quais o compressor precisa ficar na área externa.

Vantagens do Ar-Condicionado de Janela em Comparação ao Split

Há diversas vantagens do ar-condicionado de janela em comparação ao ar-condicionado Split. Vamos conferir as principais, a seguir.

Ideal para Ambientes Pequenos

Os modelos de ar-condicionado de janela são mais compactos e fáceis de instalar. Por isso, são mais práticos para quem precisa resfriar um ambiente pequeno.

Já os modelos Split, são modelos compostos por uma unidade interna e outra externa, ou seja ocupam muito mais espaço. Além disso, a instalação também é bem mais complexa.

Facilidade de Manutenção

Os modelos de ar-condicionado de janela são mais simples, compactos e não necessitam de peças adicionais como disjuntores e tomadas especiais, que são necessárias para a instalação de um modelo Split.

Por isso, a manutenção também acaba sendo mais fácil e muito mais barata, por ser mais simples e direta.

Preço

Os modelos Split costumam ser bem mais caros que os modelos de ar-condicionado para janela.

Claro que essa não é uma regra universal. Afinal, também há modelos de ar-condicionado de janela com valores altos. Mas, na média geral, os modelos Split são mais caros.

Custo de Instalação

Como citamos anteriormente, a instalação dos modelos de ar-condicionado de janela é muito mais fácil e simples do que a instalação de um modelo Split, que necessita de fios e tomadas especiais, disjuntores, etc.

Por isso, a instalação dos ar-condicionados de janela, também acaba sendo bem mais barata do que a instalação dos modelos Split.

Como Escolher o Melhor Ar-Condicionado de Janela em 2024

Para escolher o melhor ar-condicionado de janela para você, é importante se atentar a alguns aspectos importantes. Vamos explorar melhor cada um deles, a seguir.

Capacidade de Refrigeração

A capacidade de refrigeração de um ar-condicionado de janela é medida em BTUs. Para definir a quantidade de BTUs ideal para determinado ambiente, é preciso considerar o tamanho do ambiente, se há incidência de sol ou não e o fluxo de pessoas no ambiente.

Em geral, modelos com 7.500 BTUs, atendem bem, ambientes de 9m² a 12m². Os modelos com 9.000 BTUs e 10.000 BTUs, atendem melhor os ambientes de 12m² a 20m². Para ambientes entre 20m² e 25m², modelos com 18.000 BTUs, podem ser suficientes.

Já para ambientes maiores, recomenda-se potências acima de 20.000 BTUs. Por isso, sempre considere esse aspecto antes de escolher um modelo.

Afinal, é bastante comum que as pessoas julguem um aparelho como um modelo ruim, mas ele apenas não tem a potência ideal para o ambiente em que foi instalado.

Eficiência Energética

A eficiência energética é outro ponto importante, pois impacta diretamente no valor da sua conta de energia.

Há modelos de ar-condicionado de janela batente econômicos, mas também há modelos nada econômicos. Por isso, é muito importante se atentar a este detalhe.

Procure sempre por modelos com selo A ou B em eficiência energética concedido pelo INMETRO. Isso garante que o aparelho passou por diversos testes para atestar sua real economia energética e você pode comprar com mais segurança.

Tamanho da Janela

Se você optar por instalar esse tipo de ar-condicionado direto na janela (ele também pode ser instalado na parede), é preciso verificar se o tamanho da janela comporta o tamanho do aparelho que você escolher, sem a necessidade de modificações.

Além disso, é preciso que a janela esteja localizada a no mínimo 50cm de qualquer canto do ambiente e comporte a instalação do suporte de fixação e a base de apoio, que precisam ter no mínimo 21 cm de profundidade.

Nível de Ruído

Em geral, os modelos de ar-condicionado de janela produzem mais ruídos que os modelos Split, por exemplo. Afinal, o condensador e o evaporador estão compactados na mesma unidade que fica no ambiente interno.

No entanto, há alguns modelos mais modernos que produzem menos ruídos. Por isso, sempre se atente a este detalhe também na hora de comprar.

Recursos Adicionais

Outro ponto a se avaliar e que impacta diretamente no custo-benefício do aparelho, são os recursos adicionais.

Alguns modelos, oferecem alguns recursos como controle remoto com diversas funções, visor de led que indica a temperatura, ar quente e frio, etc. Esses recursos facilitam o dia a dia. Por isso, é interessante se atentar a estes detalhes também na hora da compra.

Facilidade de Instalação e Manutenção

Em geral, os modelos de ar-condicionado de janela são mais fáceis de instalar e realizar a manutenção.

No entanto, é importante verificar se o modelo tem peso e dimensões que se adequam à janela ou parede que você deseja instalá-lo. Caso contrário, pode ser necessário uma modificação no ambiente e o barato pode acabar saindo caro.

Marca e Confiabilidade

Apesar de não ser uma unanimidade, é comum que marcas mais conhecidas ofereçam modelos de maior qualidade e durabilidade.

Por isso, sempre dê preferência a marcas renomadas no mercado e sempre pesquise pela reputação do aparelho específico que você deseja comprar.

Garantia

A garantia é outro detalhe que pode te poupar dor de cabeça e gerar economia em caso de problemas.

Por isso, sempre verifique se a marca oferece garantia para o aparelho e quais são as condições para ter direito a essa garantia.

Afinal, algumas marcas exigem, por exemplo, que a instalação tenha sido feita por um profissional autorizado, para que a garantia tenha validade.

Preço

O preço é relativo, pois em determinados casos, compensa pagar um pouco a mais por um modelo que ofereça mais funcionalidades, por exemplo.

No entanto, vale a pena avaliar sempre o preço do mesmo tipo de aparelho, com os mesmos atributos, mas de marcas diferentes. Você pode acabar encontrando um modelo mais barato.

Além disso, avalie os recursos e potências que o modelo oferece para entender se trata-se de um bom custo-beneficio ou não.

Outro ponto é o consumo de energia, pois, em alguns casos, pode compensar comprar um modelo mais caro, mas que ofereça uma ótima economia no longo prazo.

Compatibilidade com Rede Elétrica

Nem todos modelos de ar-condicionado de janela são bivolt. Por isso, se atente se o modelo que está cogitando comprar é compatível com a rede elétrica da sua casa, que em geral é de 110V ou 220V.

Perguntas Frequentes

Quem gasta mais energia ar condicionado de janela ou split?

Quem gasta mais energia, o ar condicionado de janela ou o split, depende muito do modelo, do ambiente e da qualidade da instalação. Em determinados contextos um ar-condicionado de janela pode gastar mais energia que um split e em outros contextos, não.

Quanto gasta um ar-condicionado de janela ligado 8 horas por dia?

O custo de um ar-condicionado de janela ligado 8 horas por dia, dependerá da tarifa da sua região. Em geral, o consumo desses aparelhos é de 15,7 kWh. Basta multiplicar esse valor pela quantidade de dias e pela tarifa da sua região e você encontrará o valor mensal aproximado.

Qual ar gasta mais 110 ou 220?

Qual ar gasta mais 110 ou 220 não depende necessariamente da voltagem do aparelho, mas sim, da sua potência e do tempo de uso do aparelho.

Como gastar menos com ar condicionado de janela?

Para gastar menos com ar-condicionado de janela é importante escolher um modelo com potência adequada para o ambiente, optar por modelos com selo A em eficiência energética, realizar a instalação corretamente, assim como realizar as manutenções como limpeza e troca de filtro, sempre que necessário.

Conclusão: o Melhor Ar-Condicionado de Janela em 2024

Em suma, escolher o melhor ar-condicionado de janela pode não ser uma tarefa tão fácil. Mas, esperamos ter tornado esse processo mais fácil, com este conteúdo. Afinal, apresentamos modelos de ótima qualidade e com um bom custo-benefício.

O ar-condicionado de janela Springer Midea 10000 BTU/h QCK108BB, por exemplo, é uma ótima opção, pois é um modelo bem completo, econômico e ecológico, que oferece um bom custo-benefício.

Mas, você pode preferir um modelo com controle remoto, por exemplo, e há outras opções na lista com este recurso. Por isso, avalie bem cada modelo e, certamente, você encontrará o aparelho ideal para você. Boa compra!